Tribunal Eleitoral atinge marca de um milhão de eleitores biometrizados em Fortaleza

Nesta quarta-feira, 17, o Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) alcançou a marca de um milhão de pessoas biometrizadas em Fortaleza. O número representa 56,5% dos 1.772.388 eleitores da capital. O Tribunal dispõe de 13 postos de atendimento disponíveis para a população fazer a biometria, emitir o título pela primeira vez, transferir o domicílio eleitoral ou tirar a segunda via.

O cadastro biométrico em Fortaleza segue até o dia 29 de novembro de 2019. 771.009 eleitores ainda não realizaram o procedimento. O cadastramento é necessário para que o eleitor consiga realizar algumas atividades da vida eleitoral e civil.

O não comparecimento resulta no título cancelado, o que poderá trazer uma série de consequências, como implicações no CPF e o eleitor ficar impedido de: inscrever-se ou receber o Bolsa Família; emitir passaporte; fazer matrícula em instituições públicas de ensino; contrair empréstimos em bancos oficiais; tomar posse em cargo público e, se for servidor público, receber salário.