Francisco Washington Mendes da Silva – Respeitados e Admirados Advogados Cearenses

“Ser advogado é uma profissão que me honra, é prazeroso acordar cedo e muitas vezes ter que dormir tarde para buscar a justiça”.

Com forte atuação na justiça estadual e federal, inclusive nos tribunais superiores, o advogado Francisco Washington Mendes da Silva, titular do respeitado escritório Mendes Advogados Associados, diz que foi fruto da advocacia cearense que conseguiu obter reconhecimento profissional, principalmente dos jurisdicionados que lhe confiaram o seu direito à proteção e defesa e onde conseguiu liberdade financeira para dar à família um confortável padrão de vida.

Formado pela Uni Estácio do Ceará e mestrando em Ciências Jurídicas – Universidade Portucalense – Portugal; pós- graduado em Direito Constitucional e Processo Constitucional – UECE; MBA em Gestão Empresarial; pós-graduando em Direito Imobiliário; formação internacional em Coaching Integral Sistêmico – University Florida Christian / Febracis e especialização em Direito Civil, Imobiliário e Empresarial, é assíduo na imprensa e sitesespecializados, com os seus dois primeiros livros em fase de conclusão: “Manual do Processualista” e “ Gestão e Inovação na Advocacia”.

Pragmático, reconhece que a advocacia brasileira vive um momento delicado, com profundas modificações, um período mais competitivo, batalha contra o aviltamento de honorários, violações constantes das prerrogativas profissionais, aliado a uma omissão na atuação dos gestores da OAB, operante nas suas manifestações e posicionamentos sobre assuntos importantes da sociedade, porém sem dar a mesma atenção em assuntos destinados à classe. Preocupado com a crescente violação das prerrogativas profissionais dos advogados, diz que precisamos reforçar o diálogo legítimo e democrático, na Câmara dos Deputados para que aprovem o projeto de lei que criminaliza determinadas condutas de pessoas que violam estas prerrogativas.

Segundo ele, a advocacia cearense enfrenta um dos seus piores momentos quanto à representatividade da classe. Nesta linha, tanto o jovem advogado como o mais experiente, deve estar atento para o presente e o futuro profissional, o desprestígio, as violações às prerrogativas tão corriqueiras, muito pouco se fazendo para combater esses abusos vindos de autoridades e servidores da justiça. Precisamos entender, afirma, que somente a união da classe poderá verdadeiramente deixá-la forte e colocá-la em um patamar honrado para o enfrentamento efetivo dos desafios e abusos percebidos na labuta diária da advocacia.

Entusiasta da profissão, afirma, sem tergiversar,  que “ser advogado me honra, me dar orgulho quando me perguntam qual sua profissão? e responder que sou advogado. Como sou apaixonado pela advocacia, nunca quis trilhar a carreira pública, já iniciei o curso de direito com o objetivo certo, sempre foi a minha aspiração, mesmo tendo sido um desejo demeu pai ter seguido outras carreiras, como promotor ou juiz, assim, eu sempre lhe respondo: meu querido pai, advocacia é minha vida, eu nasci para fazer isso, não é somente por dinheiro. A possibilidade de ser o elo entre o cliente a justiça, garantindo-lhe proteçãona busca de justiça e a proteção do direito”.

Mendes Advogados Associados

Av. Desembargador Moreira, 2120, cj 1403

Aldeota – 60170002 – Fortaleza – Ceará

Itapajé / Ceará

(85) 30251515 / 997137595

mendes@mendesadv.com.br