Ouvidoria do TRE-CE cria aplicativo para combater fake news e desinformação no pleito municipal deste ano

Trata-se do aplicativo “Comunicação Pública”, primeira ferramenta nacional que atende às diretrizes da Lei 13.460/2017, e dispõe sobre participação, proteção e defesa dos direitos do usuário dos serviços públicos da administração pública, segundo o ouvidor do TRE-CE, desembargador Raimundo Nonato Silva Santos .

A modalidade de Canais a serem utilizados pela Ouvidoria do TRE-CE é o denominado “one way”, ou seja, mão única, em que não há interação entre os participantes do Canal, estes recebem as notificações nos Canais que participam, isso de forma instantânea e sob a forma de push direto. Como cada Zona Eleitoral possui suas peculiaridades, a Ouvidoria pretende também disponibilizar para que os Juízes Eleitorais possam integrar os Canais como administradores, podendo estes gerarem notícias oficiais na sua respectiva região, publicando links, portarias, avisos, enfim, todas as informações necessárias e oficiais do processo eletivo, comunicando em massa, gerando confiabilidade da informação oficial e indispensável nesse momento de pandemia, orientações no período pré-eleitoral, durante e após.

A modalidade de Canais a serem utilizados pela Ouvidoria do TRE-CE é o denominado “one way”, ou seja, mão única, em que não há interação entre os participantes do Canal, estes recebem as notificações nos Canais que participam, isso de forma instantânea e sob a forma de push direto.

Como cada Zona Eleitoral possui suas peculiaridades, a Ouvidoria pretende também disponibilizar para que os Juízes Eleitorais possam integrar os Canais como administradores, podendo estes gerarem notícias oficiais na sua respectiva região, publicando links, portarias, avisos, enfim, todas as informações necessárias e oficiais do processo eletivo, comunicando em massa, gerando confiabilidade da informação oficial e indispensável nesse momento de pandemia, orientações no período pré-eleitoral, durante e após.