Por causar danos ambientais em Caririaçu, ministério público requer suspensão de obras de hotel “Castello Cariri”

O promotor de justiça Rafael Couto Vieira, da Comarca de Caririaçu ajuizou, no último dia 15, uma Ação Civil Pública por danos ambientais com pedido de tutela de urgência em face da empresa Pousada Park (Hotel Fazenda Castello Cariri), e seu administrador Humberto Hebert Alencar Martins, a fim de que seja determinada a suspensão das atividades e obras no empreendimento hoteleiro “Castello Cariri”, sob pena de multa diária de R$ 10.000,00, e crime de desobediência, até que o mesmo obtenha a respectiva licença de operação.