Por solicitação da deputada Augusta Brito (PCdoB), AL comemora o Dia da Mulher Advogada

Em sessão solene no Plenário 13 de Maio, marcada para as 18 horas de hoje, 15, a Assembleia Legislativa do Ceará vai celebrar o Dia da Mulher Advogada. A solenidade atende solicitação da deputada Augusta Brito (PCdoB).

A luta pela emancipação da mulher advogada, segundo a parlamentar, foi liderada por Mythes Gomes de Campos, que se tornou a primeira mulher a exercer a profissão na história do direito brasileiro. Ela enfrentou preconceitos e o conceito de que o trabalho de advogados era privilégio masculino, tendo sido pioneira na luta pelos direitos femininos, lutando pelo voto da mulher e pela defesa da emancipação jurídica feminina. A deputada explicou que, além de ter sido funcionária da Justiça, Myrthes também se tornou a primeira mulher advogada a ingressar no Instituto da Ordem dos Advogados do Brasil, nossa atual OAB. Mesmo tendo concluído o bacharelado em 1898, no século XIX, em razão do preconceito contra a mulher, somente em 1906 conseguiu se legitimar profissionalmente, ingressando no instituto.