Video chamadas para pacientes internados agora é lei

Projeto aprovado no Congresso é de autoria do deputado Célio Studart; a Lei  n. 14.198/21, com vigência  imediata, foi  publicada no Diário Oficial da última sexta-feira, 3. A lei assegura a realização de video chamadas entre familiares e pacientes internados em unidades de saúde impossibilitados de receber visitas.

Célio Studart apresentou o projeto de lei em abril de 2020, acolhendo sugestão da jornalista Silvana Andrade, fundadora da Agência de Notícias de Direitos Animais. Ela travou uma batalha para conseguir se despedir, via chamada de vídeo, da sua mãe, Maria Albani, vítima do corona vírus. Desde então, mobilizações da sociedade civil organizada pressionaram pela votação. Um abaixo-assinado da plataforma Change.org registrou cerca de 120 mil assinaturas de apoio. Outra campanha, intitulada “Preciso dizer que te amo”, também pressionou o Congresso pela aprovação da matéria.